quarta-feira, 9 de setembro de 2015

Há uma porta que se abre




Há uma porta que se abre

Há uma porta que se abre
No coração da gente
E as pessoas entram
Guardamos-as por amizade
Nos visitam e vão embora
Bem assim como a chuva

Umas, vão para perto
Outras para bem longe...
Mas deixam as suas pegadas
Olhamos-as com alegria
E guardamos...
Não, nos caem no esquecimento
E sempre voltam na consciência
Transmitindo, paz e amor.

 Direitos reservados a: Poeta Lucia Barros

Dedicado a uma amiga de longa a distância
Mas de muita importância para o nosso Deus
amiga Raquel Raimundo.

Este é um grande exemplo em nossas vidas, porque bons amigos sempre caminharão conosco.
Em nosso coração várias amizades ficam guardadas, lembranças nos veem para alegrar a alma.
Todas as boas amizades, merecem estas palavras com amor.