sexta-feira, 29 de julho de 2016

Mãe terra do agricultor:




Blog Oficial Lucia BARROS. 

Mãe terra do agricultor:
Mãe terra:

PH: Maria Lucia de Barros Gomes.
28/7/2016


Este poema vem falando: da produtividade da terra e o trabalho do agricultor e do amor da poetisa, pela natureza. 


Mãe terra do agricultor

Esta é a terra:
Que “Deus” formou
Para o homem criar os seus animais...
Plantar, produzir e colher.

quarta-feira, 27 de julho de 2016

Motociclistas:

                                Blog Oficial Lucia Barros.

                                Motociclistas:
                                   Autoria:Maria Lucia de Barros Gomes
 

                                                                 27/ 07 / 2016.





Motociclistas:

Lá vêm os motociclistas...
Levemente, chegando 
E saindo rápido demais
Com o motor em explosão
Vão, fazendo os seus barulhos...
Pelas ruas das cidades.

[O que SOU EU? ]




2016

Blog Oficial Lucia Barros



Autora: Maria Lucia de Barros Gomes.







[O que SOU EU? ]








Hoje eu sou terra
Sou ar...

Sou sol

Sou lua, água

Quais astros são?

Neste lugar...

terça-feira, 26 de julho de 2016

flor



Flor

Flor

Ph1 Maria Lucia de Barros Gomes.
26/7/2016



Toda flor possui a sua beleza
O ar suaviza a sua leveza

Mais uma vez.




Blog Oficial Lucia BARROS. 


Mais uma vez.
Mais uma vez.

Maria Lucia de Barros Gomes
26/7/2016


Se mais uma vez tentastes, absorver...
Momentos que não lhe proporcionaram
Nem um prazer no viver,
Mas aceitou por que não tinha meios
Ou nada poderia fazer...
Então, o melhor é parar e pensar...
Que algo está para acontecer.

domingo, 24 de julho de 2016

Pétalas de mim


Blog Oficial Lucia BARROS. 

Pétalas de mim
Pétalas

PH Maria Lucia de Barros Gomes.
3/7/1990

Entre mal me quer

E bem me quer

As flores despetalaram, enfim.


Que se vá...






Blog Lucia BARROS. 

Que se vá...
Se vá...

Maria Lucia de Barros Gomes.
10/11/1996.







É muito difícil se deparar

Com alguns, momentos da vida

Mas até que Deus de forças...

Para vencer a mais dura perda...

Quero eu mesma,  presentear-me

De felicidade a cada dia.


Por este motivo, amo a vida

Amo tudo que me é proporcionado

E mesmo às vezes acabrunhada

Sigo em frente...

sexta-feira, 22 de julho de 2016

O tempo.


 
 
O tempo.

Contar as horas
E cada um minuto
É um tempo...

Não podemos, sede-los, ao sono
Muito menos ao cansaço
Nem as lutas diárias...
Para não perdermos, jamais
O fluir bom que existe...
Caminhando, lado a lado.

O tempo corre além...
Muito além ...
Do que podemos imaginar.
E viver a paz e a felicidade
Faz o tempo, ficar melhor
Para todos nós.

Lucia Barros.

domingo, 10 de julho de 2016

Ar da vida.





Blog Oficial Lucia Barros 
                              
Ar da vida
Ar da vida

PH Lucia Barros. (Maria Lucia de Barros Gomes.)
10/7/2016

O dia está maravilhoso
Então simplesmente
É viver a vida
E suprir-se do novo.

Novo amanhecer, nova vida...
A cada dia, preenchendo-a com paz,
Felicidade, Harmonia e amor.
Sempre, o novo, por que o novo ser
Vence o que existe dentro...
Do próprio eu;
O eu sou...
O eu fiz... 
O eu aconteço...
A pura vaidade.


Para que tanto eu, se sós não somos nada
Bem acompanhados,
Seremos muito mais...

Mas se mal acompanhados...
Melhor é deixar, e não olhar para traz.


Passamos a nos questionar:

E, agora de tanto que eu fiz:

De muitas coisas me arrependi.
Estes somos nós o espírito na carne
De muitos momentos,  amei tudo...
Vivi e quero tudo assim...
Colhendo o que plantei
O mal e o bem eu recebi.

O doce e o amargo se encontraram
Vêm à revolta
E logo se aprende:
Que o novo, sempre tem que vir
Porque é bom falar, do que vivemos no mundo.
Do amor com paixões...
Dos ganhos dos privilégios e conquistas...

Mas falar da eternidade, também é bom
Pois, teremos um pedaço
Do paraíso sobre nós...
Para eternizar...

O ar do eternamente viver
Que adentre pelas janelas os ares...
Arejando...
Porque precisamos respirar...
O ar da vida.

Autora: Lucia Barros.



Resumindo: O texto vem falando para que deixemos ar novo, dia, a dia, adentrar a janela de nossas vidas.  Ar da vida