Traduzir o Blog de Lucia Barros

sábado, 10 de setembro de 2011

Amar só eu te amo





Amar só eu te amo.

Ando contigo pelo mundo inteiro
Pelas praias pelos mares.
Vendo as ondas que vai e vem...
Vendo a chuva que cai
Depois se esconde para o sol nascer,
Fazendo reluzir, o brilho de nosso olhar.

E cada amanhecer nos vem à brisa leve...
Sobre nossos carinhos a acarinhar...
Somente para nós nos amar.


Amarmos sem pensar, sem precisar falar.
Amar porque gostamos de nos amar.

Cavalgamo-nos, nos mais lindos sonhos.
Querendo idealizar...
Desejos mais bonitos.
Deixando se encantar
Com o amor mais belo
Que já se pode encontrar.

Ate olhando o fogo que queima na lareira...
E sobre a luz que vem do luar
Sobre cantos e encantos
Que nos fazem mais felizes...
Mais sóbrios na paixão
E mais e mais se apaixonar.

Não nos deixando invadir a solidão...
Porque é bom amar.
E saber que temos sempre que nos lembrar
Sorte de quem tem um amor para compartilhar...

Saber que um dia pode amar...
Porque amar é amar.
Amar só eu te amo
Passe o tempo que passar.

Nós vamos nos amar.
Se a amor verdadeiro...
Jamais a de acabar,
Almas gêmeas a se guiarem.
Nos mesmos planos sempre estão...
E nos mesmos rios a mergulhar.
Lucia Barros.

3 comentários:

  1. AMOR DE ALMAS GEMEAS ,COMO É BOM AMAR.

    ResponderExcluir
  2. Que lindo !!Amar sem pensar e sem precisar falar ,,, a reciprocidade é tudo ... Outro poema maravilhoso ,,,amei querida poeta mtos parabéns.
    Beijinhos .

    ResponderExcluir