domingo, 30 de outubro de 2016

Natureza:

Lucia Barros: foto (Ano:2012 e a escrita:2016).
Natureza:

A natureza nos alegra
Faz bem, ao corpo e a alma
Nos proporcionando, ar...
É a força para a vida
E a liberdade para amar.

Lucia Barros.


Autora; Maria Lucia Barros Gomes.

domingo, 16 de outubro de 2016

Bons planos.




Blog Oficial Lucia BARROS. 


Bons planos.
Bons planos.

PH: Maria Lucia de Barros Gomes.
16/10/2016


O texto é inspirado em como escaparmos de algumas armadilhas que nos levam, a destruir o plano divino.



 Bons planos.
 
O passado triste, às vezes
Culmina a mente humana
Assim como as tentações, profanas.

Mas precisamos aprender;
 Uma maneira de escapar...
Desta, absurda inimizade entre nós e Deus
Procurando, oração, reconciliação
 E a vigilância.

terça-feira, 11 de outubro de 2016

Você me escolheu:




11/10/2016

Blog Oficial Lucia Barros.

PH: Maria Lucia de Barros Gomes.




[Você me ESCOLHEU: ]
O texto fala: De uma escolha de amor que é puro e profundo, sem fim. 





Você me escolheu:

Eu nem sei, viver sem ti
Eu, nem sei o que fazer...
Sem ter você...
Para me fazer,
 Feliz.

Eu, nem sei o que falar:
Se disseres!
Eu não te quero mais,
Embora possa, ir...

sexta-feira, 30 de setembro de 2016

Os pinheiros.



Blog Oficial Lucia BARROS. 
Os pinheiros.
Pinheiros.

PH: Maria Lucia de Barros Gomes.
30/9/2016

O rio desce manso
Sobre as pedras escuras
Vindo da cachoeira
Como é límpida a água.

E destes grandes pinheiros
Caem as pinhas...
No chão de terra
Enfeitando a estrada.

Perco-me nos olhares
São, tantas as pinhas
Também me perco 
Nas contadas.


Oh, meu amor como é lindo
Os nossos encontros
E as nossas viagens
Admiramos os campos
Os gados e os mananciais.

Sinto-me a própria natureza
Quando respiro este ar...
Ar de pura beleza...
Ambientes naturais.

Olho eu na tua face, sentindo...
Admiras a que eu venho admirar
Felizes, seguimos nós, a sós...
Nesta viagem a nos encantar.

Nesta nossa meia idade
Ainda, fazemos o amor renascer
Sempre em meio à natureza
Com os mesmos sentimentos
De anos atrás.

A vida prepara os caminhos...
O que está escrito por “Deus”
Nem o tempo, pode apagar.

Ate a natureza, ajuda...
Como não vou amá-la
Até os belos pinheiros
O nosso amor
Está a embalar.

Lucia Barros.




quinta-feira, 29 de setembro de 2016

Descoberta;



                                                                                                                                                                         

29/09/2016.
                  
Blog Oficial Lucia Barros.

PH: Maria Lucia de Barros Gomes.

             

[DESCOBERTA: ]
O texto fala: Da descoberta de algo... que a personagem, em si já sabia; Mas não quis falar, somente viver.

















                                                                             
     


Descoberta;

Amanhã é o dia da descoberta:
Descoberta;
Na qual eu já sei...
Mas nada, disse eu, nem a direi...
Só escutarei...
Tomara-me não murmurar.

Não sei se não vou chorar
Mas ainda assim quero sentir, o amor
 Por, “Deus” e por mim.

Os meus sentimentos
Sempre, assopraram...
 Aos meus ouvidos...
Mas muito melhor me foi:

Fazer de conta que nada, eu sabia
Mesmo sabendo...
 Porque consegui, viver mais
E sonhar mais...

Alegrei-me com tudo e com todos...
Ao meu redor.

Calada eu segui a caminhada...
Vivendo, momentos que poderia ter dividido
Com alguém...

Suportei porque não sou a única
E não me sinto de um todo sozinha
Mas acompanhada por muito carinho e afeto.
No meu convívio diário
Com tantas pessoas...
Não me senti, apavorada.

Mesmo, em às vezes ter chamado
O nome do senhor em vão...
Mas também já pedi perdão.
Porque apesar de tudo...
A vida
É luz, um ser...
Desde o ventre.

Quero sentir, que vou demorar,
Em arrumar as minhas bagagens...
Para a eterna viagem.

Mas como a fé e a verdade
 Tem que caminhar juntas
Prefiro acreditar...
Que a alma dorme
E o espírito, continuará
Em algum lugar...
Em uma nova morada.

Mas não vou mentir
Quem me dera, ser o paraíso
Perfeito e bonito
Aonde, eu vou morar.

Mas por enquanto
Quero ser como os rios
 Que correm
E ir, ate aonde
Deus me levar.



Lucia Barros.
Direitos reservados: Maria Lucia de Barros Gomes.