terça-feira, 6 de setembro de 2011

Ai vem um clarão



Ai vem um clarão

O céu resplandecendo em luz

As estrelas brilham ate a aurora

Para reluzir o globo terrestre

Os mais lindos e eternos amores...


O clarão vai chegando diante dos que
Estavam tristes e diante dos que não
Achavam à direção...

Com seus corações frágeis e machucados

Ai veio o um clarão...

De tanta graça infinita...

Que vem incessantemente,

Ate no fim do Horizonte

Chega ser exuberante...

E ao olhar para o céu

Sobre a mente viajante

Da para contar em dobro

Os planetas da vias lácteas

De tanta alegria e gratidão.


Como é bom sentir o amor infinito

Expressar do interior, e ver passar o exterior.

O que há de mais bonito,

amor pela vida,

amor, amores...

Amor com perfeição

Que vem do fundo do coração.

Lucia barros.

5 comentários:

  1. Graças Luci
    Missão Possível, Boa sorte!
    Poeta do coração, coração manso
    Poetas ....? Como para fornecer a imaginação, para animar a sua imaginação morto!
    A um esforço consistente, fazer um testamento ...?
    Eu não esperava isso, mas tenho fé!
    Que Deus te dê sucesso, eu desejo isso para você!
    Seu simpatizante
    VIRENDEr da GREAT INDIA

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É profundo ,lindo vem do fundo do coração,como é maravilhoso ver todas essas belezas que Deus fez, sentimos alegrias de poder desfrutar de tanta beleza...viver é uma dadiva de deus....Amar é um sentimento mutuo, e vale a pena....Como eu disse os seus poemas são grandiososmexe com o égo da gente...Beijiiii minha amiga.

      Excluir
  2. todos merecem amiga , pois todos fazem parte de nossas vidas, nossos poemas graças a vcs que incentivam ainda mais a escrevermos e juntos podemos ler escrever e ser felizes juntos pelo mesmo motivo, propagar amor lindo dia a todos com muito carinho.

    ResponderExcluir
  3. É maravilhoso , profundo e envolvente !!!
    Narra a maravilhosa mãe Natureza e seu sublime Amor.
    Adorei ...Poeta de coração ...Que Deus te abençoe sempre .

    ResponderExcluir