domingo, 28 de fevereiro de 2016

Então,graças a Deus.

Poema de: Lucia Barros. 28/ 02/ 2016





Então, graças a Deus.
Estes olhos...
Olham com o olhar de amor.
Desejando a ti a sabedoria...
De não olhar, apenas com
O olhar da carne...
Mas com os olhos de Deus.

Que nos faz tudo...
Que nos libera para
A liberdade da vida.
Cheia de oportunidades...
De abraçar, um futuro perfeito
Com o poder divino
Desfazendo os defeitos
Proporcionando, mudanças...
No interior e exterior.

Ele, o nosso todo poderoso
Da de graça
E são muitas graças...
Sem cobranças
Chega a nós...
As abundâncias, Luz, 
projetos de Deus...
Que cuida das suas semelhanças.
E por de traz de cada véu,
Há o olhar de Deus
Que nos guia...
Protege e ilumina
Da força,
Esperança...
E fé
Porque tudo...
Quem criou
Foi à imaginação
E o dedo de Deus
Então, graças a Deus.

Direitos reservados a Poeta: Lucia Barros.
Maria Lucia de Barros Gomes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário