terça-feira, 20 de dezembro de 2011

Há quão belo jardim:

Lucia Barros.

Há quão belo jardim:

O lírio na varanda.
Na madrugada a exalar.
Há quão belo jardim...
O perfume mais doce
Fluindo sobre o ar.
Que amor tão profundo.
As flores sabem enfeitar...

As mais belas paisagens.
Que o mundo vive a pintar
No campo todo florido.
Elas são muito variadas
De todas as cores tão belas
E anima todos os olhares...

Há quão belo jardim...
As folhagens a balançarem.
Balançando, balançando.
Romântico suave ar
Cobrindo todo espaço.
Embelezando a vida 
Para se multiplicar
Fora e dentro de mim...


Lucia Barros.



2 comentários:

  1. UM DOCINHO MEIGO REPOUSANTE DE UM EQUILÍBRIO GOSTOSO NOS FAZ SONHAR AMEI.

    BEIJOS POETISA LINDA!!!
    DA SOL.

    ResponderExcluir
  2. beijos Sol amo ver vc passar por aqui, no blog.
    Assim sabemos que estamos sempre sintonizadas amiga
    Te amo Sol amiga querida, obrigada pelo carinho.
    Lucia Barros.

    ResponderExcluir