sábado, 20 de junho de 2015

Prefiro amar assim:



Prefiro amar assim:

Olhando, ao meu redor...
Resumindo os meus pensamentos
E acalentando, momentos
Tenho a confiança...
Do que existe dentro de mim.



Dos teus sentimentos,
não sei eu.
Só sei, o que ouvi...
De que que importa
As tuas amarras, estranhas...

Com você sonhei, vivi
E não fugi.

Andas-te por tantos os lugares
E eu continuei, aqui.
De que adianta, procurar
Os seus caminhos...
Se eu não quero desistir.

Amor se prende com amor
O que se guarda...
É o que se faz, consentir.
Prefiro amar assim...
Do que de você
Me proibir.


Quando o amor, existe de verdade
Há superação em muitas coisas...
As vezes até sem explicação.
Ai, não é apenas paixão
É o que se carrega,
Dentro do coração.

É assim que muitas pessoas, se sentem
Esteja perto ou longe...
Á memória em um grande amor,
Se abastece e fica tudo bonito...
Para quem verdadeiramente
Sabe amar, o seu amor.

Direitos reservados a:Poeta Lucia Barros.


Nenhum comentário:

Postar um comentário